Kittel vence a terceira etapa do Giro e veste a Maglia Rosa

Saiba como!

Mais uma chegada em pelotão, e por mais um dia Marcel Kittel (Etixx-Quick Step) foi imbatível na Holanda. A equipe mais uma vez mostrou ser a mais forte, posicionando seu líder com perfeição, Elia Viviani (Sky) ficou na segunda colocação e Giacomo Nizzolo (Trek) na terceira. Com a bonificação de 10 segundos pela vitória, Kittel também conseguiu subir para a liderança do Giro, e agora volta para a Itália com a Maglia Rosa em suas mãos.

A última etapa na Holanda começou com uma fuga de quatro atletas, sendo que dois integrantes estavam na fuga de ontem, Maarten Tjallingii (LottoNL-Jumbo) e Giacomo Berlato (Nippo-Vini Fantini), que hoje uniram forças com Julen Amezqueta (Southeast-Venezuela) e o sul-africano Johann Van Zyl (Dimension Data).

A motivação de Maarten Tjallingii (LottoNL-Jumbo) era visível, o holandês estava correndo em sua cidade natal e mais tarde em entrevista disse que “essa é a minha torcida, eu queria andar bem antes que as montanhas começassem, assim fico muito feliz por ter tido tanto apoio e conquistado as duas camisas (de Montanha e por pontos)”.

A fuga durou por toda a etapa, e nos últimos quilômetros, quando a pelotão estava perto, apenas o sul-africano Van Zyl tomou a iniciativa de seguir sozinho, mas foi alcançado a 1.8km para o final, quando o pelotão já estava embalado para a chegada em massa.

A equipe LottoNL-Jumbo apesar de ter Maarten Tjallingii em grande fase, teve problemas com o vento forte no final da etapa, e seu melhor classificado na geral, Primoz Roglic, ficou em um grande corte com mais de 50 atletas que chegaram mais tarde com um déficit de 7 minutos. Outras alterações na classificação geral foram a subida de Vincenzo Nibali (Astana), que já está em 11º lugar a 28 segundos e Steven Kruijswijk (Ned) Team LottoNl-Jumbo a 31 segundos.

Esta etapa já era esperada por ser uma daquelas com incidência de ventos laterais, e havia grande preocupação das equipes por manter um bom posicionamento. No final do dia os ventos não foram tão fortes, mas o nervosismo entre os atletas causou quedas e alguns atletas tiveram que ser atendidos pela comissão médica. Um dos mais afetados foi Jean Cristoph Perau (AG2R La mondiale), que com ferimentos no rosto e na cabeça foi obrigado a desistir desta edição da prova (Leia mais!). Segundo Ramunas Navardauskas (Cannondale Team) a briga por posicionamento foi intensa desde o começo da etapa, e em alguns momentos a estrada se estreitava e havia a possibilidade de quedas, o que acabou se concretizando com 13 quilômetros para o final, onde vários atletas se envolveram em uma grande queda.

Amanhã teremos um dia de descanso para que todas as equipes façam a transferência até a Itália, é provável que os atletas farão um treino regenerativo por lá, algo em torno de 60 a 80 quilômetros para manter o metabolismo ativo, e na terça a competição volta com todo vapor com uma etapa à beira-mar.

Informações: a presença de um atleta de uma equipe venezuelana na fuga de hoje foi um dos destaques da prova, a equipe Southeast-Venezuela faz parte do nível Continental (o mesmo da equipe brasileira Funvic-Soul Cycles-Carrefour) foi uma das equipes convidadas a participarem desta edição do Giro, e contam com atletas de diversas nacionalidades. Isso é um indicativo que um dia poderemos ter uma equipe brasileira correndo um Gran Tour, quem sabe ano que vem? Vamos torcer!

Veja a entrevista com o vencedor, o resumo da etapa e a classificação da etapa e geral:

Classificação da etapa

1. de
KITTEL Marcel
Etixx – Quick Step
04:23:45
2. it
VIVIANI Elia
Team Sky
3. it
NIZZOLO Giacomo
Trek – Segafredo
4. de
GREIPEL André
Lotto Soudal
5. ru
PORSEV Alexander
Team Katusha
6. it
SBARAGLI Kristian
Dimension Data
7. nl
HOFLAND Moreno
Team LottoNL – Jumbo
8. fr
DéMARE Arnaud
FDJ
9. de
ZABEL Rick
BMC Racing Team
10. si
MOHORIC Matej
Lampre – Merida

Classificação Geral

1. de
KITTEL Marcel
Etixx – Quick Step
09:13:10
2. nl
DUMOULIN Tom
Team Giant – Alpecin
0:09
3. cr
AMADOR Andrey
Movistar Team
0:15
4. se
LUDVIGSSON Tobias
Team Giant – Alpecin
0:17
5. it
MOSER Moreno
Cannondale Pro Cycling Team
0:21
6. lu
JUNGELS Bob
Etixx – Quick Step
0:22
7. at
BRäNDLE Matthias
IAM Cycling
0:23
8. de
KLUGE Roger
IAM Cycling
0:25
9. us
HAGA Chad
Team Giant – Alpecin
10. at
PREIDLER Georg
Team Giant – Alpecin
0:26

Veja a classificação completa no Cycling Tips.

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta