Doping: ciclista de 19 anos é suspenso por uso de EPO

Gabriel Evans, ciclista britânico de 19 anos, foi flagrado com EPO em exames feitos pela comissão anti-doping do Reino Unido.

Clique para contribuir!

Evans ganhou o título nacional júnior de contra-relógio em 2015 e foi pego logo depois.

A comissão anti-doping abriu uma investigação sobre Evans em agosto de 2015, depois que a Comissão recebeu informações sobre o envolvimento do atleta com substâncias proibidas. O pai de um colega de equipe achou um frasco de EPO com Evans durante um período de treinamento na França e notificou a Comissão do Reino Unido. Evans tinha 18 anos na época.

gabriel-evans
Gabriel Evans durante prova de contra relógio.

Posteriormente aos exames, Evans, admitiu o uso de EPO e postou um pedido de desculpas e uma explicação na internet. Por admitir o uso ele teve a pena reduzida de 4 para três anos e meio pela Comissão.

O chefe das investigações da comissão do Reino Unido, Nicole Sapstead justificou, da seguinte forma, a pena e a redução da mesma:

É um jovem em início de carreira, que ao fazer uso intencional de EPO, prejudicará significamente sua carreira antes mesmo dela realmente começar.
Evidente que Evans agiu intencionalmente quando decidiu comprar e usar EPO. No entanto, o doping não é uma decisão simples e cada pessoa tem suas motivações para fazer. Alguns fazem por dinheiro, alguns fazem só para ganhar. Outros fazem isso porque eles tem curiosidade, muitas vezes motivada por ter visto outros atletas fazendo.
Portanto, é absolutamente normal que cada caso seja tratado individualmente, e, neste caso, a sanção foi reduzida em seis meses pela nossa reflexão de como um jovem, de 18 anos na época, resolveu cometer as violações. No caso, sua relativa imaturidade foi influencia para sua tomada de decisão.

Evans disse, ao site Cycling Weekly, em dezembro de 2015, que a curiosidade levou-o a utilização de EPO depois que ele assistiu a um documentário da rede de televisão BBC sobre a dopagem no atletismo. A perda do título nacional de contra-relógio júnior do ano anterior também o ajudou a tomar essa decisão:

Eu perdi para vários caras e quando você passa por isso você começa a questionar muitas coisas.
Não estou tentando me justificar, mas eu passei questionar os adversários e quando se tem tanta exposição de mídia em cima do EPO é fácil ficar curioso.
O grande fator foi ter perdido esse título.
Eu quero me retratar e mudar como o David Millar, não como um Lance Armstrong.
Só preciso aprender as lições da melhor forma possível.

Sapstead agradeceu a pessoa que viu o frasco de EPO e denunciou à Comissão, dizendo:

Agradeço a pessoa que veio a nós com as informações e as provas do doping. Ao fazer isso, ele manteve a justiça e também o bem-estar de um jovem atleta.
Todos os apoiadores, treinadores e pais devem ajudar seus atletas a conseguir informações sobre qual a maneira correta de atingir um melhor desempenho.
Eles também tem o dever de nos comunicar, para o bem dos atletas e do esporte, se eles conhecem algum atleta que está violando as regras antidopagem e o espírito esportivo.

A suspensão de Evans será de 16 de Outubro 2015 a 15 de abril de 2019.

Comentários

Be the first to comment

Deixe uma resposta