Vuelta a España: Froome bate Quintana na Peña Cabarga

Saiba como!

O grande duelo desta Vuelta a España aconteceu novamente nesta décima primeira etapa, com Froome batendo o líder Nairo Quintana na dura chegada no Peña Cabarga. Froome repetiu a vitória de 2011 na mesma montanha, onde, naquela ocasião, bateu o líder Juan José Cobo, que venceu na geral e Froome foi segundo, mas já apresentava potencial para vencer um Grand Tour.

A etapa foi marcada pelo ritmo forte imposto pela Tinkoff0-SaxoBank, que pegou a ponta do pelotão por mais de 80 quilômetros, dificultando a vida de todos e principalmente daqueles que não se recuperaram bem no dia de descanso de ontem.

Saiba Tudo sobre a Vuelta aqui!

sptdw9046_670
Quarto  na geral, Esteban Chaves (Orica-BikeExchange) lançou um forte ataque faltando 1500m, chegando a abrir 20s, mas foi alcançado (TDW).

A etapa contou com uma grande fuga, que mesmo com mais de 20 atletas, não foi páreo para o pelotão que seguia em fila indiana e liderado pela Tinkoff. Com certeza o ritmo de hoje não foi dos mais agradáveis e machucou muita gente. Com toda essa dificuldade, a Vuelta é o Gran Tour com maior número de desistentes este ano, com 32 desistentes, sendo que largaram 189 e agora seguem 157.

 

20165686_331348_670
Omar Fraile (Dimension Data) perdeu a camisa de líder de montanha para Nairo Quintana, mas continua na briga.

A fuga era composta por: Ben Hermans (BMC), Martijn Keizer (Lotto NL-Jumbo), Pello Bilbao e Angel Madrazo (Caja Rural – RGA Seguros), Davide Malacarne (Astana), Koen De Kort e Johannes Fröhlinger (Giant-Alpecin), Kiel Reijnen (Trek – Segafredo), Jan Bakelants e Axel Domont (AG2R – La Mondiale), Tiago Machado e Jhonatan Restrepo (Katusha), Sander Armée (Lotto Soudal), Pieter Serry e Zdenek Stybar (Etixx-Quick Step), Pierre Rolland (Cannonade – Drapac), Jacques Janse van Rensburg e Merhawi Kudus (Dimension Data), Jonas Van Genechten (IAM Cycling), Kristin Durasek e Ilya Koshevoy (Lampre – Merida), Cesare Benedetti e Christoph Pfingsten (Bora-Argon18).

sptdw9044_670
Ben Hermans (BMC) e Jan Bakelants (AG2R-La Mondiale) foram os últimos sobreviventes da fuga (TDW).

Com isso, eram vários países e várias equipes lutando pela vitória, mas a briga ficou para o pelotão que buscava a competição pela geral.

O português Tiago Machado (Katusha) foi considerado o ciclista mais combativo do dia devido à sua bela atuação na fuga, onde ele pegou a ponta e entrou em várias tentativas de ataque. Tiago já possui seu contrato assegurado para a temporada 2017 com a Katusha.

Veja o vídeo resumo da etapa:

Veja os últimos quilômetros:

Confira mais imagens desta etapa (TDWSport):

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultados

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta