Mundial 2016: Favoritos do contra-relógio

Esta matéria tem o apoio delogo-bici

Amanhã (12/10) acontece a prova de Contra-Relógio Masculino Elite do Mundial de Ciclismo que está acontecendo em Doha, Qatar.

Em 2015, tivemos um vencedor que surpreendeu, pero no mucho. Vasil Kiryienka não era um dos 3 grandes favoritos para levar o título (eram Tom Dumoulin, Rohan Dennis e Tony Martin), mas considerando a forma como ele chegou ao Mundial, fazendo quarto no crono final da Vuelta (última das 3 grandes Voltas) e também o seu reconhecido motor, não se pode dizer que foi algo tão surpreendente assim. 

Vasil Kiryienka in action during the 2015 Elite Mens TT World Championships

O restante do pódio, sim, dá pra dizer que foi contra todas as previsões. Malori e Coppel 2º e 3º respectivamente, com Castroviejo ficando com quarto lugar. Os 3 grandes favoritos ficaram em 5º e 6º e 7º, todos terminando a mais de um minuto de Kiryienka.

Resultados de 2015:

O percurso 2016

O percurso do crono individual será o mesmo utilizado para a disputa do crono por equipes que aconteceu no último Domingo (09/10).

Veja como foi o contra-relógio por equipes aqui.

Apesar de extremamente plano o circuito é bastante técnico, com curvas de 90 graus e muitas rotatórias. O segredo para um bom tempo é, principalmente, fazer boas tomadas nessas curvas e assim não perder velocidade.

Outro fator que pode ajudar ou não os ciclistas é o vento, costuma ventar forte em Doha.

map

O vento

O principal fator que poderá mexer na classificação geral de forma a torná-la surpreendente é o vento.

A previsão diz que o vento não será muito forte amanhã durante a prova, mas a velocidade e, principalmente, a direção pode mudar muito rapidamente nesta parte do mundo, o que pode fazer com que favoritos percam segundos importantes.

Essas condições podem mudar tanto para os primeiros, quanto para os últimos, será um problema para alguns e uma ajuda para outros. O fato é que os ciclistas que tiverem a sorte de contar com uma melhor direção e velocidade do vento durante a prova terão óbvia vantagem. Tudo pode acontecer.

Os ciclistas largarão com intervalos de 1’30 entre cada um e, sendo 70 os concorrentes, teremos apenas uma hora e 40 minutos entre o primeiro e o último a largar.

Os horários das largadas podem ser encontrados aqui.

Os favoritos

Será que chegou, finalmente, a vez de Rohan Dennis assumir pela primeira vez a camisa arco-íris? Será que, depois de um ano que nada deu muito certo, Tom Dumoulin vencerá? Ou Tony Martin, pela quarta vez?  

cszfw0sxeaardyj

Rohan Dennis mostrou que está muito bem. No Eneco Tour mostrou toda sua forma, venceu o crono da segunda etapa e, se não fosse o tombo, na última etapa, ele teria vencido. Também não podemos esquecer que ele estava muito bem na prova olímpica antes de ter seu guidão quebrado o que o fez terminar em quinto. Apesar das recentes demonstrações de força de Dennis, o crono de amanhã tem 40 quilômetros, portanto é 4 vezes maior do que o último que Dennis venceu.sptdw2037_670Tom Dumoulin tinha como seu principal objetivo na temporada o ouro olímpico, ficou com a prata. Não é ruim! Dumoulin fez um ótimo Eneco Tour e definitivamente ele é um dos 3 grandes favoritos a vencer o Mundial.Photo: Jim Fryer / BrakeThrough MediaTony Martin foi fundamental para Etixx vencer o crono por equipes no domingo e mostrou que, após algumas modificações de sua posição sobre a bicicleta, está muito bem. Em um circuito plano como esse Martin deve ser considerado um dos grandes.

Lista de favoritos:

*** Rohan Dennis, Tony Martin, Tom Dumoulin
** Vasil Kiryienka, Jos van Emden, Bob Jungels
* Stefan Küng, Taylor Phinney, Primoz Roglic

Comentários

Be the first to comment

Deixe uma resposta