Galeria histórica do mito Fabian Cancellara

Esta matéria tem o apoio delogo-bici

Em 2016 Fabian Cancellara, o suíço que é considerado um dos maiores atletas de clássicas e contra-relógios da história, pendurou as sapatilhas com apenas 35 anos. Ele deixa para trás um legado que inclui a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio na prova contra o cronômetro, quatro títulos mundiais na mesma modalidade, dez títulos nacionais de crono, e as incríveis vitórias em clássicas como a Paris-Roubaix, Tour de Flandres, Strada Bianchi, e muitas outras.

Confira uma galeria com alguns dos mais memoráveis momentos do atleta.

Wevelgem - Belgium - wielrennen - cycling - radsport - cyclisme - final escape Fabian Cancellara (Switzerland / Team Radioshack Leopard) - Peter Sagan (Slovakia / Team Cannondale) pictured on the Paterberg climb during The Tour of Flanders 2013 in Oudenaarde - Belgium on 31- 03 -2013 - photo Wessel van Keuk/Cor Vos © 2013
Cancellara deixando Sagan para trás em sua vitória no Tour de Flandres em 2013 (Wessel van Keuk/Cor Vos).

 

1280px-cancellara_roubaix_2010_2
A fenomenal vitória na Paris-Roubaix de 2010.

 

51023554
Em 2004, em seu primeiro Tour de France, Motorala venceu o prólogo e pegou a camisa amarela, batendo Lance Armstrong (de verde), Tom Boonem está de branco, com a camisa de melhor jovem talento.

 

cancellara_pr2013_cobble
Em 2013, após batalha com o jovem e talentoso Sep Vanmarcke, venceu a Paris-Roubaix.

 

fabian-cancellara-tour-de-france-stage-three-crash_3322411
Em 2015, Cancellara se envolveu em um dos tombos mais espetaculares da história do ciclismo, ele vestia a camisa amarela de líder e teve de abandonar a competição com uma vértebra quebrada.

 

pr-2016
Em 2016 o sonho de vencer mais uma Paris-Roubaix ficou nesse tombo, com Peter Sagan no ar tentando salvar sua prova. Lá na frente, o australiano Matthew Hayman (Orica-GreenEdge) se aproveitou desse tombo e da confusão para vencer uma das provas mais memoráveis da história.

 

62d98f5b-b037-406c-b101-73c492e4f304
Cancellara, ou Spartacus (apelido), venceu nada menos do que 3 vezes a Strada Bianchi, na Itália. Na foto a terceira vitória, sobre o tcheco Zdenek Stybar (Ettix-QuickStep).

 

worlds
Cancellara vestia as cores de seu país com honra em todas as competições, foi 10 vezes campeão nacional de crono e três de estrada. Além disso, ele era considerado um excelente gregário em Grand Tours e auxiliou grandes atletas com Alberto Contador, Alessandro Pettachi, Bauke Mollema e os irmãos Schlek (entre outros) a vencerem importantes competições.
etape_1_tour_de_france_2009_-_fabian_cancellara
A caminho de mais uma vitória e mais uma camisa amarela no Tour de France, em 2009.

 

2016 Rio Olympics - Cycling Road - Victory Ceremony - Men's Individual Time Trial Victory Ceremony - Pontal - Rio de Janeiro, Brazil - 10/08/2016. Tom Dumoulin (NED) of Netherlands, Fabian Cancellara (SUI) of Switzerland and Chris Froome (GBR) of United Kingdom on podium. REUTERS/Eric Gaillard FOR EDITORIAL USE ONLY. NOT FOR SALE FOR MARKETING OR ADVERTISING CAMPAIGNS.
O pódio dos Jogos Olímpicos do Rio ficou assim: Cancellara não conseguiu esconder a sua felicidade ao vencer a prova e o momento foi eternizado por essa foto. Ao seu lado os grandes: Tom Dumoulin e Chris Froome (REUTERS/Eric Gaillard).

 

winner-prologue-toc-2008
Figurinha carimbada com a camisa de campeão mundial, Fabian foi 4 vezes campeão mundial de contra-relógio. Nesta foto ele estava a caminho de vencer o prólogo e vestir a camisa de líder do Tour da Califórnia, em 2008.

Comentários

Be the first to comment

Deixe uma resposta