Paris-Roubaix: Greg Van Avermaet é monumental!

Saiba como!
Esta matéria tem o apoio delogo-bici

O belga Greg Van Avermaet (BMC) finalmente pode ficar em paz, pela primeira vez em sua carreira ele venceu um monumento! Após quase 6 horas de competição ele bateu o sprint com os melhores atletas de clássicas do mundo, para vencer a clássica das clássicas Paris-Roubaix. GVA vem de uma temporada memorável, ficando em segundo no Tour de Flanders no domingo passado e mostrando grande forma física, hoje ele foi o mais forte e comemorou muito sua fantástica vitória.

O pódio final foi só alegria, GVA entrou para a história do ciclismo! (TDWSport)

Greg Van Avermaet usou sua capacidade de sprintar mais uma vez ao seu favor, qualidade que tem trazido inúmeras vitórias em clássicas e até mesmo nos Jogos Olímpicos do Rio, do qual ele saiu com a vitória, o sprint tem sido sua arma mortal. Na segunda colocação chegou Zdenek Stybar (QuickStep-Floors) que havia caído nos treinos na sexta-feira e era dúvida. Stybar fez uma prova impecável e apesar de estar trabalhando para Tom Boonen, foi o único da equipe que aguentou a aceleração de Greg Van Avermaet no trecho 5 estrelas do Carrefour de l’Arbre, decisivo na vitória. A terceira colocação ficou com o holandês da Cannondale Sebastian Langeveld, que podemos dizer que foi a “zebra” no pódio, que prova!

A mítica floresta de Arenberg! (TDWSport)

Foi uma batalha impressionante e até mesmo o tetra-campeão Tom Boonen (QuickStep-Floors) sofreu nos quilômetros finais. Peter Sagan teve dois furos de pneu em momentos cruciais da prova e ficou fora da disputa. Quem também furou e caiu foi o belga Oliver Naesen (Ag2r), que foi uma das revelações da temporada. Muita coisa aconteceu hoje e podemos dizer que foi uma das edições da Paris-Roubaix mais equilibradas da história, a decisão foi entre vários ciclistas e todos tinham chances de vitória.

Uma visão da batalha que foi a Paris-Roubaix 2017 (TDWSPort)

Destaque também para os italianos Gianni Moscon (Sky) que em sua primeira Paris-Roubaix terminou na impressionante 5a colocação e Daniel Oss (BMC) que atacou muitas vezes hoje, andou na fuga durante 40km com Jasper Stuyven (Trek) e foi crucial para a vitória de seu líder Greg Van Avermaet, chapeaux!

Daniel Oss (BMC) fez uma prova brilhante e foi crucial para a vitória de GVA (TDWSport).

Confira a prova aqui:


Resultados

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta