Tour de France: quinta vitória de Kittel após 11 etapas!

Saiba como!

Mais uma etapa plana neste Tour de France e boa para o batalhão de ciclistas recuperar algumas energias após 10 etapas desgastantes, exceto pelos velocistas que por mais um dia duelaram na chegada em Pau. A vitória ficou novamente com o alemão Marcel Kittel (QuickStep-Floors), que está impossível!

Esta foi a quinta vitória de Kittel na competição, que possui um trem de embalada muito forte e, além disso, tem mostrado que mesmo se estiver mal posicionado, ele ainda é capaz de vencer. Na segunda colcação chegou o holandês de sobrenome complicado, Dylan Groenewegen (LottoNL-Jumbo) e em terceiro o norueguês Edvald Boasson Hagen (Dimension Data). Ed Boss tenta compensar a ausência de Mark Cavendish na equipe buscando alguma vitória, mas tem sido difícil achar alguma fraqueza em Marcel Kittel.

Acompanhe tudo o que acontece no Tour de France 2017 aqui.

Confira também: Tour de France: Urán, mesmo com câmbio quebrado, vence

A caravana seguiu pelos campos franceses e os ciclistas percorreram mais de 200km novamente. O cansaço vai se acumulando! (TDWSport)

A liderança da competição permanece com Chris Froome (Sky) que teve um dia mais calmo, com a equipe Sky trabalhando pouco e deixando as grandes equipes com sprinters trabalharem e anularem as fugas. Amanhã teremos uma nova etapa de montanha e alguns fatos devem pesar no resultado da etapa: Bardet, Contador e Fuglsang caíram hoje e podem sentir as quedas nos esforços na montanha, além disso, a Astana perdeu um de seus principais gregários, Dario Cataldo, que também caiu feio e está fora da prova. Cada vez mais o caminho de Chris Froome se pavimenta até o quarto título e sem muito esforço, seus rivais estão caindo (literalmente) um a um.

O campeão holandês Ramon Sinkeldam e o líder de montanha Warren Barguil conversam durante a etapa (TDWSport).

A etapa foi marcada pela fuga de 3 ciclistas que brilharam na etapa e estamparam as cores de seus patrocinadores e equipes: Backaert (UAE), Bodnar (Bora-Hansgrohe) e Marcato (Wanty Group-Goubert). Com menos de 30 km para o final, o polonês Maciej Bodnar, que é um  dos melhores passistas do pelotão, atacou forte e deixou seus dois companheiros de fuga para trás, ele andou muito sozinho e parecia não ser mais alcançado pelo pelotão, mas foi neutralizado dentro do último quilômetro pelos gregários de Kittel. Bodnar foi escolhido o atleta mais combativo da etapa!

Momento de descontração dentro do pelotão e na equipe Astana, com Fabio Aru ainda em segundo na classificação geral (TDWSport).

Não perca a etapa de amanhã, com chegada no mítico Peyragudes, onde muitas emoções são aguardadas!

Veja mais da etapa de hoje:


Acompanhe tudo o que acontece no TdF 2017 aqui.

RESULTADOS