STDU: Peter Sagan sobe forte e bate sprint na 4ª etapa

Clique para contribuir!

Poucos imaginavam que a 4ª etapa do Santos Tour Down Under seria tão surpreendente, e mais, poucos poderiam supor que o campeão mundial Peter Sagan (Bora-Hansgrohe), considerado um velocista com passo forte, pudesse subir junto com grandes escaladores como Richie Porte (BMC), George Bennet (LottoNL-Jumbo) e cia. Sagan mostrou que vem mais completo em 2018, com 2kg a menos, mas sem perder a potência nos sprints, a temporada promete!

Na segunda colocação chegou o sul-africano Daryl Impey (MITCHELTON-SCOTT) e na terceira o espanhol da Astana, Luis Leon Sanchez. Questionado após a etapa, Peter Sagan respondeu: eu nunca imaginei subir tão forte assim! (vai vendo! 😮 )

Veja também:

Alejandro Valverde se diz 100% recuperado e tem fome de vitórias!

Belga de 23 anos se retira do ciclismo profissional.

Ciclistas que se retiraram em 2017

Essa 4ª etapa foi bastante disputada, com a tentativa de várias fugas em todo o dia, mas as equipes sempre pegavam a ponta e não deixavam ninguém se distanciar muito do pelotão. Em uma das tentativas de escapada, Thomas De Gendt e Andre Greipel (Lotto-Soudal), pareciam prometer alguma dificuldade para Sunweb, Cannondale e Mitchelton-Scott, mas em poucos quilômetros também foram alcançados.

Veja também:

STDU 2018: Ewan não se deixa abater e vence a segunda etapa

STDU 2018: Greipel bate Sagan e Ewan e vence a primeira etapa

Santos Tour Down Under 2018

A disputa pela etapa veio mesmo na subida final, na qual a BMC e outras fortes equipes ditavam o passo enquanto o pelotão era lentamente dinamitado, primeiro com os velocistas e gregários sobrando e mais tarde com alguns favoritos sendo deixados para trás, enquanto o campeão australiano de 2017, Miles Scotson (BMC) e Simon Gerrans (BMC) tentavam preparar o ataque mortal de Richie Porte.

Todavia, a subida final tinha o último quilômetro plano e com uma pequena descida, algo que não foi suficiente para que Porte, Dennis e Bennett deixassem Sagan para trás, além disso, o campeão mundial viu a oportunidade de atacar descendo e deu muito trabalho para os outros ciclistas que vinham com ele. A politicagem no grupo dianteiro fez com que o grupo perseguidor encostasse e a decisão foi para o sprint final. Peter Sagan bateu a chegada com facilidade, pois só haviam escaladores e passistas no pelotão e o eslovaco garantiu sua 102ª vitória na carreira, assumindo a liderança da competição!

Todas as atenções estão para a 5ª e penúltima etapa, com chegada na temida Willinga Hill, na qual Richie Porte conseguiu atacar sem dó e vencer ali por 4 anos, entretanto, o ciclista da Tasmânia disse que não está 100% e que tem sentido muito o calor, tendo febre na noite anterior à 4ª etapa, o que pode deixar a competição em aberto e possibilitar o aparecimento de alguma zebra. Vamos aguardar para ver, mas pelo jeito que está, vai ser difícil alguém tirar esse título do tri-campeão mundial que parece estar muito a fim de ser o grande campeão do Santos Tour Down Under 2018!

Videos da etapa



Resultados

Comentários