Decisão da Tirreno-Adriatico ficou para o crono final!

O campeão polonês de crono, Michal Kwiatkowski (Sky), é o atual líder da geral e o grande favorito para a conquista do título!
Saiba como!

Quem diria que numa volta de uma semana poderia acontecer tantas coisas. Alguns favoritos simplesmente não andaram bem, como Froome, Nibali e Pozzovivo. Outros se envolveram em quedas, Dumoulin, Kelderman e Majka que o digam, de modo que a decisão que ficou para o último crono, com 10km, para quem viu o startlist da prova na semana passada, diria que a realidade é mais parecida com uma loteria!

No momento, o polonês polivalente Michal Kwiatkowski (Sky) lidera a prova por 3 segundos a frente de Damiano Caruso (BMC), em terceiro está Mikel Landa (Movistar) e em quarto o ex-líder azarado Geraint Thomas (Sky) que tem 29 segundos de distância de Kwiato e dificilmente deve tirar esse déficit. Em anos anteriores, a diferença neste tradicional crono de 10km tem sido pequena, principalmente entre os ciclistas da geral, que são muito leves para vencer um crono totalmente plano e curto.

Veja também:

Omloop Het Nieuwsblad 2018: A primeira Clássica do velho continente

5 alimentos ricos em gorduras que ajudam a saúde e o desempenho

Europeus chocados com o nível das provas na Colômbia

Adam Yates venceu a etapa de ontem em Filottrano em meio à festa para relembrar o cidadão mais famoso da cidade: o ciclista Michele Scarponi!

Ano passado por exemplo, Rohan Dennis venceu a etapa e Geraint Thomas colocou 15s em Caruso, algo que não seria capaz de tirar a camisa do italiano esse ano. Kwiato perdeu tempo para Caruso nos dois últimos anos nesse crono, o que leva a imprensa italiana a apostar alto na vitória geral de Caruso, que poucos poderiam imaginar que venceria uma prova com nível tão alto.

Porte e Brambilla ficarão de fora das competições em março

Na descida Matej Mohoric abre vantagem e vence o GP Industria & Artigianato

Após 6 dias de ritmo forte em meio às estradas e ruas italianas, os ciclistas se preparam para a decisão no crono em San Benedetto del Tronto.

Caruso tem sido regular e sempre bem protegido por seus companheiros de BMC, que trouxeram para a prova um grupo muito forte de passista, mas nenhum escalador. Caruso, desta forma, ficou de roda durante toda a escalada final na etapa rainha, e apenas se defendeu sem atacar, mantendo sempre alta sua posição na geral, desde a vitória de etapa no TTT quando a BMC venceu e se impôs.

Nairo Quintana não desistirá do Tour de France

Copa do Mundo de XCO: Avancini e Raiza começam o ano como TOP 10 e fazem história

O perfil do crono de amanhã é assim, plano!

Não podemos esquecer da presença de Rigoberto Uran em quinto, a 34s, e de Tiesj Benoot em oitavo a 39 segundos, dois ciclistas em grande fase e que devem brigar pelo seu lugar no pódio. No final das contas, como dizia Jan Ulrich: “a estrada dirá a verdade”, até por que após tantas reviravoltas, apenas amanhã saberemos quem será o grande campeão da Tirreno-Adriatico 2018!

Fique ligado em notícias, dicas e resultados das grandes competições do ciclismo aqui no DigitalCycling!

Como foi essa decisão nos anos anteriores?

Veja como foi em 2017:

Veja como foi em 2016:

Veja como foi em 2015:

Comentários