Copa do Mundo de Mountain Bike XCO: Nino Schurter e Jolanda Neff vencem em Albstadt

Saiba como!

O tão esperado duelo Nino x Gaze não aconteceu, em um terreno escorregadio ninguém conseguiu colocar em dificuldade o campeão do mundo Nino Schurter. Na segunda etapa da Copa do Mundo de MTB XCO, que aconteceu no domingo, 20 de Maio, no circuito alemão de Albstadt, os protagonistas foram Nino Schurter e Jolanda Neff.

Nino Schurter conseguiu se impor com autoridade, apesar de largar apenas na terceira fila, após ter que abandonar o XCC de sexta-feira que definia as 2 primeiras filas de largada do XCO. Já Jolanda Neff, uma especialista nesse tipo de terreno, sobrou no circuito e cruzou a linha de chegada em primeiro a mais de 2 min da segunda colocada.

No masculino, Nino Schurter mostrou que, apesar de largar longe dos lugares habituais, algo que não acontecia há muito tempo, o terreno escorregadio e a pressão da mídia não foram capazes de dificultar a sua vitória que veio sem grandes problemas. Nino, já na primeira volta, fez um ataque que serviu para selecionar quem andaria na frente e quem não. A partir daí ele sempre andou nas primeiras posições à espera do momento certo para lançar seu ataque derradeiro. Isso aconteceu na penúltima volta, depois de um forte ataque de Mathieu van der Poel, Nino apertou e o único que conseguiu seguir o suíço foi Stephane Tempier, que mais tarde sobrou.

Nino cruzou a linha a 16 seg. de Tempier, com Mathieu van der Poel em terceiro lugar depois de uma disputa com o Maxime Marotte.

Nino Schurter campeão da segunda etapa da Copa do Mundo de XCO em Albstadt, Alemanha [20 maio, 2018]. Foto: Bartek Wolinski
No feminino Jolanda Neff não teve rivais. A suíça que, além de campeã mundial XCO, é uma grande especialista em cyclocross, teve, no percurso lamacento de Albstadt, o cenário perfeito para demonstrar toda sua habilidade, principalmente em terrenos escorregadios. Ela estava tão confortável que não sofreu pressão em nenhum momento da prova, sempre rodando a mais de 2 min de vantagem para suas principais adversárias e cruzando a linha a mais de dois minutos e dezesseis segundos de Yana Belomoina, a segunda colocada que participou da principal disputa da prova com Anne Tauber, que terminou na terceira posição e a jovem Alessandra Keller que, depois de andar 4 voltas na segunda posição, viu suas adversárias chegarem e, após grande disputa, não conseguiu segurar a posição.

Jolanda Neff campeã da segunda etapa da Copa do Mundo de XCO em Albstadt, Alemanha [20 maio, 2018]. Foto: Bartek Wolinski

Sam Gaze e Annika Langvad

Vistos como grandes favoritos a segunda etapa da Copa do Mundo em Albstadt, nem Gase, nem Langvad tiveram o papel que se esperava deles. Sam Gaze permaneceu no grupo que liderou a prova no inicio, mas, logo depois, na segunda volta, começou a perder posições e, mais tarde, um furo acabou com qualquer possibilidade de um bom resultado.

Sam Gaze durante a segunda etapa da Copa do Mundo de XCO em Albstadt, Alemanha [20 maio, 2018]. Foto: Bartek Wolinski
Já Annika Langvad, apesar de vencer o XCC na sexta, já no ínicio da prova foi ultrapassada pelas adversárias deixando evidente que o percurso escorregadio do circuito alemão não se encaixava às suas qualidade. Ela terminou apenas na 29ª colocação.

Brasileiros

A melhor notícia do domingo foi a primeira posição por equipes conquistada pelos atletas da Cannondale. A vitória veio com os resultados de Maxime Marotte (quarto lugar), Manuel Fumic (nono lugar) e o brasileiro Henrique Avancini (décimo sétimo).

Cannondale Factory Racing, melhor equipe em Albstadt.

Individualmente os brasileiros foram bem, visto que pegaram um terreno extremamente difícil, longe do treinamento que qualquer um deles encara normalmente.

Henrique Avancini conquistou o 17ª lugar depois de figurar entre as primeiras posições durante a primeira volta. O campeão brasileiro Henrique Cocuzzi terminou em 49º lugar.

Também estavam disputando a prova Rubinho Valeriano e Guilherme Muller que levaram volta, mas terminaram a dificílima etapa de Albstadt.

No feminino a única representante brasileira foi a atual campeã brasileira Raíza Goulão que terminou a prova no 28ª lugar.

Replay

Assista no site da Red Bull o replay da provas:

Feminino

Masculino

Fotos:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Resultado Completos

Masculino

Feminino