UAE Tour: Gaviria vence a segunda etapa

Saiba como!

Começou ontem e vai até o dia 2 de março o UAE Tour. É a segunda volta de 1 semana do calendário World Tour. 

A primeira etapa, disputada ontem, foi um contra relógio por equipes. Foram 16 quilômetros planos onde a Lotto-Visma mostrou que, com a chegada de Tony Martin, passa a ter o motor que faltava para esse tipo de disputa. O primeiro da equipe a cruzar a linha foi o esloveno Primoz Roglic que assumia ali a liderança da volta.

Primoz Roglic é o líder da prova, seu primeiro objetivo na temporada é o Giro da Itália.

Hoje, na primeira etapa em linha, o colombiano, Fernando Gaviria, venceu o disputado sprint depois de mais de 180 quilômetros em Abu Dhabi.

Essa é a primeira edição do UAE Tour que surgiu da fusão do Abu Dhabi Tour com o Dubai Tour e é a última opção dos ciclistas para pegar ritmo de prova antes do início da temporada europeia, com as clássicas, como Omloop e Strade Bainche, e as 3 primeiras voltas de uma semana: Paris-Nice, Tirreno Adriatico e a Volta a Catalunha, todas no mês de março.

E devido a essa proximidade das grandes provas européias o UAE Tour está recheado de estrelas, sendo que a UAE Tem Emirates corre em casa e vem com uma equipe forte para fazer bonito correndo em casa. O português Rui Costa e o irlandês Daniel Martin são as apostas para a geral, já Fernando Gaviria para as etapas planas como foi a de hoje.

O campeão do mundo Alejandro Valverde também está na disputa.

Mas a vitória de hoje poderia não ser alcançada se não fosse o grande trabalho de Alexander Kristoff que, mesmo estando na equipe desde 2018, entendeu que Gaviria está mais rápido e assumiu o papel de embalador do colombiano.

Kristoff (191) com Gaviria na roda.

E o trabalho não poderia ser mais perfeito, Kristoff partiu como se disputasse o final do sprint e lançou Gaviria tão bem que quando Elia Viviani (Deceuninck-QuickStep) tirou para ultrapassar já não tinha mais tempo. O italiano acabou terminando na segunda posição e Caleb Ewan (Lotto Soudal) fechou o pódio em terceiro.

Com os resultados Primoz Roglic manteve a liderança depois de terminar em segurança no pelotão. Quem, por pouco, não abandonou a disputa da geral foi o australiano da Trek, Richie Porte. Porte chegou a figurar no terceiro grupo depois que as equipes fizeram o pelotão se picar todo quando andaram por estradas abertas e com vento lateral. A sorte de Porte foi que, mais tarde, ao sairem dessas estradas a paz reinou no pelotão que diminuiu o ritmo possibilitando que todos se juntassem novamente.

O vento trouxe o inferno ao pelotão.
Pernas pra que te quero!

Apesar do vento o momento da etapa foi o incrível trabalho final de Kristoff para Fernando Gaviria.

Kristoff já havia dito, em entrevistas, que poderia trabalhar para Gaviria que vem se mostrando um dos melhores velocistas da atualidade e foi o que aconteceu. Vitória da UAE no UAE Tour para alegria dos patrocinadores e da equipe.

Vídeos

Resultados finais