Entrevista: Esteban Chaves

Esteban Chaves
Saiba como!
Esta matéria tem o apoio delogo-bici

Esteban Chaves (Orica-BikeExchange) deixa de ser considerado uma promessa no ciclismo e, com apenas 26 anos, já é apontado como um dos maiores ciclistas da atualidade. Em entrevista ao Velon CC ele descreve como tem sido a sua temporada e quais as impressões até aqui na Vuelta a España. A entrevista pode ser vista no vídeo abaixo.

O pequeno colombiano natural das montanhas de Bogotá tem 1,64m e 55kg, o que o coloca como um escalador, e tem sido nas montanhas mais duras da Europa que ele tem escrito seu nome entre os grandes do ciclismo mundial.

Na entrevista quando perguntado sobre como poderia definir esta edição desta Vuelta ele diz: muito, muito dura! Não é por menos, já que são 11 chegadas ao alto e em nenhum dia eles puderam “descansar” realmente. Quando perguntado sobre quem foi o ciclista que mais o impressionou ele responde direto: Nairo Quintana. Chaves afirma que Quintana fez algo impressionante, que foi se recuperar tão rápido do Tour, onde ele foi terceiro na geral, e vir para a Vuelta com um nível tão elevado, “realmente temos que tirar o chapéu pra ele”.

Quando perguntado sobre qual seu melhor momento na competição, ele diz que foi a etapa rainha, que chegou no mítico Col d´Albisque, onde Chaves atacou e colocou tempo em Froome, Quintana e Contador, e assim confirmou a boa fase e subiu para a terceira colocação geral.

Ainda temos o crono de 37km e uma etapa de montanha no sábado, onde muita coisa pode acontecer, mas Chaves se mantém confiante “estamos aqui para isso, nos preparamos muito, vamos tentar!”. Segundo o jovem ciclista, já são mais de 70 horas de competição, e o cansaço em todos os atletas da volta é muito grande, mas a batalha só termina em Madri, domingo.

2016090458_WAT6-b
Chaves atacou forte na etapa rainha, com chegada no mítico Col d´Albisque, e colocou tempo em Froome, Quintana e Contador.

Esteban Chaves tem, até aqui, feito uma excelente temporada, com vitória em etapa e segundo lugar geral no Giro d´Itália em maio, ele também participou dos Jogos Olímpicos do Rio e veio para a Vuelta em ótima fase. Mas, depois da Vuelta o foco é se recuperar e focar, talvez, em novos horizontes em 2017. “Após a Vuelta terei férias! Minha família estará em Andorra e teremos alguns dias de “vida normal”, onde terei tempo para me recuperar e focar em novos objetivos.

Segundo a equipe Orica-BikeExchange, Chaves está avaliando a possibilidade de participar do Tour de France em 2017, mas terá de ser bem pensado, pois o atleta pode deixar de lado a chance de ter ótimos resultados no Giro e na Vuelta apenas para participar do Tour. Isso será revelado apenas no começo do ano, por enquanto ele está focado em terminar no pódio desta edição da Vuelta, e a briga para estar nele é apenas com Contador e Froome, dois dos maiores ciclistas da atualidade, o cara é fera!

chaves
Chaves vencendo etapa de montanha no Giro d´Itália 2016.

Veja a entrevista com Esteban Chaves:

Comentários

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta