Giro da Itália: Gaviria vence chegada acirrada

Saiba como!
Esta matéria tem o apoio deBicistore
Bicistore.

O colombiano Fernando Gaviria (QuickStep-Floors) venceu o sprint de modo convincente, deixando, assim, de ser considerado uma promessa para ser efetivamente um grande sprinter do pelotão internacional.

Ele bateu guidão com alguns dos melhores velocistas do mundo para vencer fácil. Na segunda colocação ficou o jovem italiano Jakub Maresko (Willier) e em terceiro chegou o irlandês Sam Bennet (Bora-Hansgrohe), Maresko veio de muito longe no pelotão e foi passando todos, mostrando que, sem dúvidas, ele pode vencer uma etapa neste Giro. Agora Gaviria assume a liderança da classificação por pontos, a famosa Maglia Ciclamino.

Veja também: Lista de favoritos para o Giro d’Itália
Veja também: Lista oficial dos inscritos na centésima edição da prova
Acompanhe o Giro pela internet!

A bela região da Sicília italiana (TDWSport).

No último domingo Gaviria havia vencido sprint de um pequeno grupo liderado por sua equipe, que quebrou o pelotão nos quilômetros finais, foi levantada a hipótese de que Gaviria só havia vencido pois não havia ninguém ali para batê-lo, mas hoje veio a resposta: ele está, finalmente, no topo!

BMC trabalhando para TVG em mais uma etapa (TDWSport).

A fuga da etapa foi com dois corajosos homens: Evgeny Shalunev (Gzprom) e Maciej Paterski (CCC Sprandi) , ambos de equipes do leste europeu e utilizando bikes italianas, Colnago e Guerciotti. Eles foram controlados pelo pelotão e alcaçados nos últimos 10km de prova.

A fuga do dia: Evgeny Shalunev (Gzprom) e Maciej Paterski (CCC Sprandi) (TDWSport).

A etapa foi marcada pela grande recepção de Vincenzo Nibali (Bahrain-Merida) pelo público da região da Sicilia. Nibali foi ovacionado tanto na largada, quanto na chegada em Messina, sua cidade natal, foram homenagens, pedidos de autógrafos e fotos com o maior ciclista italiano da atualidade. No momento ele vem de uma boa fase com a vitória no Tour da Croácia e segue mostrando um grande preparo físico para enfrentar seus rivais neste Giro.

A liderança segue com Bob Jungels (QuickStep-Floors), com os britânicos Geraint Thomas (Sky) em segundo e Adam Yates (Orica-Scott) em terceiro. Amanhã teremos mais uma etapa rápida e destinada aos velocistas. Não perca! 🙂

Bob Jungels assina a súmula, ele segue líder (Divulgação).

Veja o final da etapa:

Melhores momentos:

Entrevista com Gaviria, após a etapa:

Resultados

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta