Giro da Itália: Fraile transformou o sonho em realidade

Saiba como!
Esta matéria tem o apoio deBicistore
Bicistore.

Hoje foi uma daquelas etapas furiosas, ataques desde a largada fizeram com que todos aqueles que estão na competição tivessem que trabalhar. O espanhol Omar Fraile (Dimension Data) fez uma atuação impressionante, atacando cedo com Mikel Landa (Sky) e mais tarde resistindo na fuga para vencer a etapa. Fraile bateu Rui Costa  (UAE Team Emirates), Pierre Rolland (Cannondale) e Tanel Kangert (Astana) que vieram muito forte para a chegada.

Fraile ainda pegou todos os pontos de montanha possíveis e acabou empatando na classificação de montanha com o líder Jan Polanc (UAE Team Emirates). A camisa de montanha é outro grande objetivo para Fraile que já venceu nessa categoria duas vezes na Vuelta a España. Dias assim, com ritmo forte e muitos ataques, podem pegar de surpresa qualquer um que tenha feito força demais no crono de ontem e foi isso que aconteceu com Geraint Thomas (Sky) e Steven Kruijswijk (LottoNL-Jumbo) que acabaram chegando no grupo de trás dos GCs na etapa.

Veja também: Lista de favoritos para o Giro d’Itália
Veja também: Lista oficial dos inscritos na centésima edição da prova

Acompanhe tudo o que acontece no Giro d’Itália aqui.

Parece o pelotão, mas era a fuga do dia com 25 atletas! (TDWSPort)

Os grandes beneficiados de hoje foram Tanel Kangert (Astana) que subiu para a oitava colocação geral e o costa-riquenho Andrey Amador (Movistar) que agora é o sexto na geral, ambos fizeram parte da grande escapada do dia e tiraram mais de 2 minutos do líder Tom Dumoulin (Team Sunweb).

A fuga do dia era composta por 25 atletas: Giovanni Visconti (Bahrain-Merida), Hubert Dupont e Matteo Montaguti (AG2R-La Mondiale), Dario Cataldo e Tanel Kangert (Astana), Ben Hermans (BMC), Pierre Rolland, Hugh Carthy, Davide Villella (Cannondale-Drapac), Ivan Rovny (Gazprom-Rusvelo), Tomasz Marczynski, Maxime Monfort (Lotto Soudal), Andrey Amador, José Joaquin Rojas (Movistar), Ruben Plaza (Orica-Scott), Laurens De Plus (Quick-Step Floors), Igor Anton (Dimension Data), Martijn Keizer (LottoNL-Jumbo), Philip Deignan (Team Sky), Laurens ten Dam (Team Sunweb), Rui Costa e Simone Petilli (UAE Team Emirates).

Grande trabalho do Team Sunweb na etapa (TDWSPort).

E por falar em Tom Dumoulin, hoje sua camisa rosa foi colocada à prova, mas sua equipe, a Team Sunweb, trabalhou muito e não o deixou em apuros. Uma das jogadas da Sunweb foi colocar Laurens Tem Dam na fuga do dia, ele ficou apenas de roda na escapada, guardando energias, e quando chegou a montanha final ele diminuiu o ritmo para esperar Dumoulin e assim escoltá-lo até a chegada. Pelo visto teremos muitos trabalhos assim nas etapas de montanha, que estão sendo cada vez mais disputadas.

Landa e Fraile uniram forças durante a etapa que foi muito disputada. Mais tarde eles foram alcançados pelos perseguidores e uma nova fuga saiu, Fraile também estava nela e venceu a etapa! (TDWSPort)

Amanhã teremos uma etapa mais calma, na qual as equipes tentarão levá-la para o sprint, mas o perfil é bastante ondulado e muitas fugas podem acontecer. Até amanhã! 🙂

Últimos 25 quilômetros:


Giro d’Italia 2017 – Stage 11 [LAST 25 KM] por tiz-cycling

Melhores momentos:

Resultados

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta