Criterium du Dauphiné: Wout Van Aert venceu crono e etapa de sprint com estilo

Saiba como!

Assim como Mathieu Van der Poel, o ciclismo de estrada tem mais um monstro saído do ciclocross. Seu nome é Wout Van Aert (Jumbo-Visma) que venceu nada menos do que um contra-relógio em cima dos melhores do mundo e também uma etapa no sprint.

Race leader Adam Yates
Adam Yates segue líder da volta (Bettini Photo).

O belga da Jumbo-Visma lidera a camisa verde da classificação por pontos e a camisa branca de jovem talento, algo impressionante em sua primeira temporada no World Tour. Dia 6 de julho ele estará em Bruxelas, capital da Bélgica, para largar em seu primeiro Tour de France. Para um belga, será como ter um mundial em casa, o ritmo será intenso e a briga acirrada.

The breakaway on stage 5
A fuga da quinta etapa, com Alessandro De Marchi (CCC Team), Yoann Bagot (Vital Concept) e Stéphane Rossetto (Cofidis) caminha dentro do departamento montanhoso de Auvérnia-Ródano-Alpes

No Criterium du Dauphiné muita coisa tem acontecido, como a queda de Chris Froome (Team Ineos), que só deve voltar em 2020, devido às graves sequelas do acidente dessa semana. O britânico ficou oito horas na mesa de cirurgia para reparar a fratura no fêmur. Será uma grande perda no Tour.

Van Aert bateu grandes nomes como Tom Dumoulin e Julian Alaphilippe para vencer o crono (Getty).

Amanhã o Criterium du Dauphiné segue entre Saint-Vulbas, Plaine de l’Ain, até Saint-Michel-de-Maurienne, etapa com 228km com um final montanhoso e propício para ataques em uma subida de categoria 2. Fique ligado em nossa cobertura!

Vídeos

Melhores momentos extendidos da Etapa 5 da NBC Sports:

Melhores momentos extendidos do Crono (Etapa 4) da NBC Sports:


Resultados