Tour de France: Barguil vence no alto do Izoard; Froome segue líder rumo a Paris

Saiba como!

O francês Warren Barguil (Team Sunweb), o King of the Mountains (Rei da Montanha) do Tour de France 2017, venceu a etapa 18 do Tour de France de 2017. Foi a quarta vitória em seis dias para a equipe alemã que, ao que tudo indica, será a vencedora do prêmio de melhor escalador e o de melhor velocista do Tour com Michael Matthews.

Veja tudo o que aconteceu no Tour de France aqui.

Confira: Rigoberto Uran vive seu melhor momento na carreira

Barguil travou uma grande batalha, nos quilômetros finais da etapa, contra o colômbiano John Darwin Atapuma, mas conseguiu abrir vantagem no último quilômetro da subida e não foi mais alcançado chegando 20 segundos na frente. Barguil estava no grupo do camisa amarela quando partiu faltando cerca de 6 Km para a meta e, com 1,5 Km para o final, alcançou Atapuma que liderava a prova e vinha da fuga inicial da etapa.

Barguil e Atapuma, uma briga de gigantes.

Os dois andaram juntos durante um tempo até que o francês abriu vantagem, vingando-se de uma derrota no Tour da Suíça quando o colombiano venceu uma etapa deixando o francês em segundo. Foi a mais importante vitória do jovem ciclista francês de 25 anos na carreira.

Veja o momento em que Barguil vence a etapa e, no final da matéria, o último quilômetro:

Na briga pela camisa amarela, Romain Bardet (AG2R) atacou quando faltavam 3 km para o final e quase todos os gregários de Froome já haviam deixado o grupo. Chris Froome, que contava com Landa como seu último gregário no momento do ataque, saltou no francês levando o colômbiano Rigoberto Uran em sua roda. Os dois acabaram encostando em Bardet, logo Landa também se juntou a eles e depois de uma longa batalha com ataques e contra ataques, os três favoritos chegaram no alto do Izoard praticamente juntos, ficando Bardet com o terceiro lugar logo atrás de Atapuma.

Froome também tentou largar Bardet e Uran, mas os dois conseguiram se reconectar logo depois. Foto: Pauline Ballet

Bardet, apesar de não colocar tempo em Froome, acabou levando bônus de tempo e está agora em segundo lugar na geral à 23 segundos de Froome que chegou em quarto. Uran, que chegou em quinto, deixou a dupla abrir no finalzinho cruzando, depois de 2 segundos, em quinto e agora está em terceiro na geral a seis segundos de Bardet.

Atapuma, Bardet, Froome e Uran, nos últimos metros. Foto: Thomas Maheux.

O italiano Fabio Aru (Astana), que foi o único capaz de tirar a camisa de líder do Team Sky durante todo o Tour de France, mais uma vez não foi bem, sobrou do grupo dos favoritos e está agora em quinto lugar.

Fabio Aru chegou praticamente junto com Nairo Quintana a mais de 1 minutos dos líderes. Foto: Pauline Ballet

A briga pela camisa de melhor jovem também movimentou a etapa, Simon Yates (Orica-Scott) perdeu mais 22 segundos para Louis Meintjes (UAE Team Emirates), mas ainda tem pouco mais de 2 minutos de vantagem para o sulafricano.

Amanhã uma etapa plana, mas como as diferenças são poucas tudo pode acontecer.

Veja o vídeo do último quilômetro:

Resumo da etapa:

Resultados