Giro d’Itália: Ciccone brilha em etapa monstruosa, Roglic perdeu mais tempo

Saiba como!

O dia do julgamento chegou! Hoje foi dia dos ciclistas enfrentarem as duríssimas montanhas do Giro, sendo a mais emblemática da jornada, o Mortirolo!

Com quase 1300 metros de desnível e após 160km de prova, o Mortirolo, com 11.9km de extensão e 10.9% de inclinação média, era um gigante adormecido, prestes a revelar quem são os ciclistas capazes de vencer o Giro 2019.

Veja também:

Rapidinhas #02 – Doping, Voeckler e Tour da California

Mathieu van der Poel quer participar de uma Grande Volta!

TOP 10 – Estressadinhos no Pelotão

'The Shark' fans roadside during stage 16 at the Giro d'Italia
Os fãs de Nibali levaram tubarõezinhos para torcer pelo italiano. Na ponta do pelotão, Antonio Pedrero fez um trabalho MONUMENTAL para a Movistar hoje! (getty)

Com um pelotão liderado pela Movistar, o approach até o Mortirolo foi bastante estável, de modo que ainda restavam mais de 100 ciclistas no pelotão, além de uma fuga com 21 atletas na dianteira.

Primoz Roglic had another tough day in the Alps during stage 16 at the Giro
Primoz Roglic teve outro dia difícil. Talvez as chances de vencer esse Giro estão se esvaindo por entre os dedos.. (Bettini)

A etapa contou com uma grande fuga que se arriscou na briga pela vitória dessa dura jornada. A fuga se formou logo no início da primeira montanha, que não foi categorizada, mas era bastante dura: o Passo della Presolana, com 11,1km e com 5,8% de inclinação média.

Stage 16 at the Giro d'Italia: fans remember Marco Pantani on the Mortirolo
Fãs relembravam Marco Pantani e Michele Scarponi, enquanto a fuga da etapa passava por mais uma pequena cidade dentro das montanhas dos Alpes italianos (Bettini).

A fuga tinha 21 fortíssimos atletas: Jan Hirt, Pello Bilbao e Davide Villella (Astana), Damiano Caruso e Antonio Nibali (Bahrain-Merida), Mikel Nieve e Christopher Juul-Jensen (Mitchelton-Scott), Fausto Masnada e Mattia Cattaneo (Androni-Giocattoli), Francisco Ventoso (CCC Team), Lukasz Owsian (CCC Team), Joe Dombrowski e Nate Brown (EF Education First), Andrey Amador (Movistar), Koen Bouwman (Jumbo-Visma), Giulio Ciccone (Trek-Segafredo), Francois Bidard (AG2R La Mondiale), Diego Ulissi (UAE Team Emirates), Jai Hindley (Sunweb), Michael Schwarzmann (Bora-Hansgrohe) e Mikkel Honoré (Deceuninck-QuickStep).

O perfil desta 16ª etapa: 194km com 4800m de ascensão acumulada!

A fuga atravessava as montanhas com bastante coesão e contava com importantes gregários para os ciclistas da Geral, de modo que Astana, com três na fuga, e Movistar que tinha Andrey Amador na empreitada, além da Scott, com Nieve e Juunsen, Bahrain com Caruso e Nibali mais novo, e a Jumbo com Bowman, não estavam interessados na vitória de etapa.

Vincenzo Nibali on the attack during stage 16 at the Giro
Vincenzo Nibali atacou no Mortirolo e pegou uma garrafinha d’água do veterano Francisco Ventoso (CCC), que estava na fuga. O frio de 6 graus não impediu Nibali de se “refrescar”! :p

Todavia, a Astana viu Miguel Angel Lopez em um dia pouco inspirado, dando oportunidade para Jan Hirt ir para cima e atacar no Mortirolo, levando com ele Caruso e Ciccone. O pelotão nesse momento era ainda liderado pela Movistar, que com seu gregário Antonio Pedrero, praticamente dizimou o pelotão. Pedrero fez um grande trabalho para seus líderes, Landa e Carapaz, mesmo após ter caído na descida antes do Mortirolo.

Richard Carapaz rides through the fog on the Mortirolo climb during stage 16
A poderosa dupla Richard Carapaz e Mikel Landa (Movistar) emerge da neblina enquanto colocam tempo em Roglic, Yates e cia! (Bettini)

Entre os maiores prejudicados na jornada estavam Simon Yates, Bauke Mollema, Rafal Majka e Primoz Roglic. Eles sofreram muito no Mortirolo, que causou um caos na competição.

Videos

Último km:

Entrevista com o vencedor da etapa:

Entrevista com Roglic:

Entrevista com Nibali:

Entrevista com Carapaz:

Resultados

Etapa:

1 Giulio Ciccone (Ita) Trek-Segafredo 5:36:24
2 Jan Hirt (Cze) Astana Pro Team
3 Fausto Masnada (Ita) Androni Giocattoli-Sidermec 0:01:20
4 Vincenzo Nibali (Ita) Bahrain-Merida 0:01:41
5 Hugh John Carthy (GBr) EF Education First
6 Richard Carapaz (Ecu) Movistar Team
7 Mikel Landa (Spa) Movistar Team
8 Joe Dombrowski (USA) EF Education First
9 Damiano Caruso (Ita) Bahrain-Merida 0:01:49
10 Mattia Cattaneo (Ita) Androni Giocattoli-Sidermec 0:02:03

Geral:

1 Richard Carapaz (Ecu) Movistar Team 70:02:05
2 Vincenzo Nibali (Ita) Bahrain-Merida 0:01:47
3 Primoz Roglic (Slo) Team Jumbo-Visma 0:02:09
4 Mikel Landa (Spa) Movistar Team 0:03:15
5 Bauke Mollema (Ned) Trek-Segafredo 0:05:00
6 Rafal Majka (Pol) Bora-Hansgrohe 0:05:40
7 Miguel Angel Lopez (Col) Astana Pro Team 0:06:17
8 Simon Yates (GBr) Mitchelton-Scott 0:06:46
9 Pavel Sivakov (Rus) Team Ineos 0:07:51
10 Jan Polanc (Slo) UAE Team Emirates 0:08:06